logo
Insparedes - Inspeção de Veículos Elétricos - Como funciona?
blog-1

Inspeção de Veículos Elétricos - Como funciona?


Com os recentes aumentos de preço dos combustíveis, bem como a crescente preocupação com o meio ambiente, cada vez maior é a procura por Veículos Elétricos.

Contudo, não basta saber qual a autonomia do veículo elétrico a comprar, ou qual o funcionamento do mesmo. É necessário, também, conhecer a forma como a sua inspeção é feita.


Tal como os veículos convencionais, também os EV’s precisam de passar pelas Inspeções Periódicas do Instituto da Mobilidade e dos Transportes. Um carro elétrico não é isento dessa responsabilidade, já que é essencial para garantir a segurança da sua circulação.


Será a Inspeção de um veículo elétrico diferente?

Não há qualquer tipo de distinção entre um carro de combustão, um veículo híbrido ou um veículo elétrico. Os veículos elétricos regem-se pelo Decreto-Lei nº144/2012, de 11 de Julho, que entrou em vigor a 10 de Agosto de 2012 e que regula as inspeções periódicas, as inspeções para atribuição de matrícula e as inspeções extraordinárias de veículos a motor e seus reboques, previstas no artigo 116ª do Código da Estrada. 

Porém, tendo em conta as características inerentes à mobilidade elétrica, alguns itens a verificar na Inspeção diferem dos automóveis convencionais.


Quais os pontos de inspeção aplicáveis ao EV’s?

- Identificação do veículo; 

- Equipamento de travagem; 

- Visibilidade; Direção; 

- Componentes de iluminação e elétricos; 

- Eixos, rodas, pneumáticos e suspensão; 

- Quadro e acessórios do quadro; Equipamentos diversos; Emissões (no caso de híbridos); 

- Controlos suplementares para veículos de transporte de passageiros das categorias M2 e M3.


Quais os pontos de inspeção dos carros convencionais que não se aplicam a EV’s?

- Emissões: Em carros 100% elétricos não se verifica este ponto, já que não possuem emissão de ruídos ou de gases poluentes, como acontece num sistema de combustão.


Como controlar o estado do seu EV?

De tempos a tempos, deve efetuar uma inspeção visual ao seu veículo, verificando se existe alguma anomalia. 

Caso encontre, deve recorrer à sua oficina de confiança, preferencialmente uma especializada em viaturas elétricas. duas semanas antes da sua inspeção periódica, deve realizar um check-up ao seu carro, de forma a garantir a aprovação na inspeção periódica.



Cada vez mais, os Veículos Elétricos assumem uma presença mais recorrente e vincada nas estradas portuguesas. São carros como qualquer outro, pelo que deve garantir que, independentemente de ter um elétrico, fará a sua manutenção de forma responsável e regular, para que a sua segurança seja assegurada!


A Insparedes deseja-lhe Boas Viagens!


Aceder à fonte da notícia