logo
Insparedes - Especial Férias - Proteja-se enquanto conduz em picos de calor!
blog-1

Especial Férias - Proteja-se enquanto conduz em picos de calor!


Agora que grande parte dos portugueses parte de férias, é altura de relembrar alguns cuidados que deve ter perante a condução em tempo de calor.

Embora possa parecer cliché, a verdade é que, durante o Verão, muitos condutores descuram alguns cuidados que devem preservar para se protegerem do calor.

Escusado será dizer que escaldões são bastante comuns para muitos condutores, gracejando com o famoso “bronze de camionista”. Contudo, os riscos são reais! 

Assim, é crucial que se proteja começando pelo básico, colocando protetor solar se for conduzir ao sol, mesmo que não vá sequer sair do carro. 

A Fundação para o Cancro de Pele alerta que milhões de condutores em todo o mundo estão sujeitos a exposição solar intensa enquanto estão ao volante, sem que se apercebam dos riscos que isso acarreta. Facto que se tem verificado pela sociedade dermatológica, que verificou uma deterioração agravada da pele de muitos dos seus pacientes, principalmente no lado esquerdo do corpo. 

A penetração dos raios ultravioleta (UVA) pelas janelas dos veículos podem causar o envelhecimento precoce da pele, sinais, rugas e até cancros de pele. 

No caso dos vidros dos automóveis, os laterais conseguem bloquear com eficácia os raios UVB, mas os UVA não são travados, ainda que o para-brisas seja eficaz no bloqueio de ambos os tipos de radiação. 

Vários são os estudos que abordam esta temática, afirmando que “quanto mais tempo o sujeito passa a conduzir um veículo, mais severos são os seus foto-danos no lado esquerdo”, o que naturalmente passa a ser do lado direito nos países onde o lugar do condutor está à direita, acrescentando que “a maioria dos cancros da pele desenvolvem-se no lado esquerdo das faces e corpos”, especialmente nos homens, que passam mais tempo nos carros ao longo da sua vida. 

Assim, deve mesmo aplicar protetor solar em todo o corpo quando vá conduzir, principalmente no rosto, braços, pescoço e mãos. Em alternativa, ou como complemento, pode aplicar películas nos vidros, desde que estas cumpram as regras legais impostas. 

Esta película pode acrescentar comodidade e segurança, resguardando o interior do seu carro dos efeitos nocivos dos raios UVA e UVB. Para este efeito, o Instituto de Mobilidade e Transportes explica no Decreto-Lei nº193/2009 que “é admitida a possibilidade de afixação de películas coloridas nos vidros das janelas dos automóveis ligeiros de passageiros e de mercadorias, desde que devidamente homologadas”. 

No entanto, só podem ser afixadas películas que contenham a marca de homologação nacional ou a marca de homologação concedida por outros Estados-Membros e considerada equivalente à marca nacional, sendo que após a sua aplicação o proprietário deve proceder a uma inspeção extraordinária em centro da categoria B para avaliação de transformação das características do veículo, o que tem uma taxa de cerca de 150€.



Assim, se ainda vai de férias, não descure a sua proteção nem a dos ocupantes do seu carro. Garanta que viaja sempre com protetor solar, faça algumas paragens em locais resguardados e com sombra e evite circular sempre exposto ao sol!


A Insparedes deseja-lhe Boas Viagens!


Aceder à Fonte da Notícia