logo
Insparedes - Escapadinhas de Outono? Descubra as dicas Insparedes!
blog-1

Escapadinhas de Outono? Descubra as dicas Insparedes!


O outono já vai bem avançado, convidando a belos passeios para observar os maravilhosos tons desta estação!

Descubra com a Insparedes alguns destinos imperdíveis para visitar neste Outono!

O Outono é um belo convite para explorar os recantos do nosso país, deixando-se envolver pelos tons característicos desta estação. 

Portugal é geograficamente rico, com boa luminosidade e paisagens deslumbrantes que, nesta estação, se intensificam com tons quentes e intensos. 

Assim, se um passeio de Outono está nos seus planos e pretende começar a planear a sua viagem, a escolha do destino é, sem dúvida, o primeiro passo a dar. 

Como tal, a Insparedes dá-lhe a conhecer algumas sugestões para uma escapadela de fim de semana!


Covão d’Ametade na Serra da Estrela

É um dos ex-líbris da Serra da Estrela e localiza-se no Concelho de Manteigas,  a cerca de 1500 metros de altitude, no sopé do Cântaro Magro e no início do Vale Glaciário. 

Conhecido por ser o local onde o rio Zêzere amplia a sua dimensão, o Covão d’Ametade apresenta-se com imponência e grandiosidade, com uma paisagem granítica dos Cântaros Magro, Gordo e Raso.


Com vegetação à fartura, o que lhe confere a particularidade de criar um ecossistema com imensa biodiversidade, é o destino ideal para contemplar os castanhos, vermelhos e dourados da folhagem outonal. 

Aqui, poderá passear pela Rota das Faias da Serra da Estrela, um trilho pedestre que promove uma experiência sensitiva inesquecível. Este percurso passa no interior de uma densa floresta de faias, plantadas no início do séc.XX, e permite vislumbrar as fantásticas paisagens do Vale Glaciar do Zêzere, a Torre, os Cântaros Magro e Gordo e as Penhas Douradas. 

Num cenário intenso e multicolor, poderá ainda conhecer as propostas gastronómicas regionais, como os enchidos, a feijoca de Manteigas com carne de porco, a truta, a chanfana ou o cabrito. Já na ala dos doces, um arroz doce, o requeijão com doce de abóbora, o bolo de crista, os bolos de leite e as cavacas são algumas das sugestões que não irá, certamente, querer deixar de provar.


Douro Vinhateiro

Falar de Portugal sem falar do Douro, seria como falar do Vaticano sem o Papa! O Douro é, sem dúvida, uma das grandes pérolas de Portugal, marcando grande parte da sua história e da sua cultura.




No entanto, as paisagens do Douro Vinhateiro ganham ainda mais intensidade quando as cores outonais se apoderam da vegetação e desenham um cenário de beleza extrema. 

Para um passeio de carro contemplativo, nada melhor do que a N222, a estrada que liga Peso da Régua ao Pinhão, oferecendo 27km de uma verdadeira ode à beleza paisagística da região. 

A meio do percurso, num pequeno desvio até Armamar, pode ainda participar num dos mais importantes eventos da região, a Feira da Maçã que homenageia a maçã de montanha, os vinhos DOC Douro, os vinhos do Porto e Távora Varosa e, ainda, a cereja. 

Neste evento, poderá desfrutar de provas de vinhos e de produtos gastronómicos da região e participar em visitas temáticas.



Mata de Albergaria no Gerês

O Gerês dispensa apresentações, já que em qualquer estação, é palco de visitas de portugueses e estrangeiros que procuram desfrutar das suas paisagens e do seu ar limpo e revigorante.


O Parque Nacional da Peneda-Gerês estende-se dos Planaltos da Mourela a Castro Laboreiro, incluindo as serras da Peneda, Soajo, Amarela e Gerês. Com uma diversidade botânica intrínseca, composta por bosques, matos, vegetação ripícola e turfeira, com várias espécies raras e endémicas, esta região ganha ainda mais encanto no Outono. 

A Mata de Albergaria é um dos bosques mais famosos dos carvalhais galaico-portugueses, onde se inclui um troço da via romana Geira, com ruínas de pontes e marcos milenários que relembram as gentes de outrora. Aproveite para descansar e desfrutar da tradicional Posta, do Cozido barrosão, dos fumeiros regionais e, claro, do mel da Região.


Lousã em Coimbra

A Lousã é uma Vila portuguesa do Distrito de Coimbra, que pertencia à antiga província da Beira Litoral e que se insere, atualmente, na Região de Coimbra. 



Bela em qualquer época do ano, é no Outono que ganha ainda mais encanto, já que é nesta estação que melhor se testemunha a famosa “Brama dos Veados”. Devido à sua biodiversidade e riqueza em fauna, a Lousã é o palco ideal para observar o comportamento do veado. 

É no Outono que se dá a época de acasalamento dos veados, pelo que é possível ouvi os machos a defender e reclamar os seus territórios, atraindo a atenção das fêmeas. 

Nesta região, poderá usufruir de programas turísticos especializados para a observação da Brama dos Veados e ainda aproveitar para saborear um belo de um cabrito assado em forno de lenha ou ainda uma chanfana, bem como o mel da Serra da Lousã e as doçarias tradicionais.



Serra de Monchique no Algarve

Monchique situa-se no Algarve que, devido à sua proximidade com o mar, possui um clima subtropical húmido, com precipitações médias anuais entre os 1000 e os 2000mm e temperaturas amenas, o que permite a existência de uma vegetação rica e variada, onde se inclui o carvalho-de-Monchique e espécies raras.


Nesta região, famosa pela cultura da tecelagem de lã e de linho e pelo poder curativo das suas águas, vive-se agora maioritariamente do turismo. Como tal, poderá desfrutar de safaris de Jeep para conhecer os trilhos algarvios, Tours guiados para conhecer a Serra de Monchique, os castelos de Silves e de Monchique, Passeios florestais e Tours para visitar o Oeste Algarvio. 

A nível gastronómico, poderá descobrir os sabores seculares e tradicionais dos enchidos tradicionais, a famosa Couve à Monchique, a assadura, o feijão com couve e outros pratos com porco preto. 

Não deixe de provar, também, o Bolo de Tacho original de Monchique, confeccionado à base de mel. 


Seja qual for o destino escolhido, não deixe de verificar o estado do seu automóvel antes de “se fazer à estrada”. 

Como tal, é recomendável que proceda a uma revisão no seu mecânico de confiança ou, para um processo mais simples e rápido, pode optar por uma Inspeção Facultativa, que lhe dará a conhecer, em 15 minutos do seu tempo, qual o estado do seu carro. 

Antes de partir em viagem, planeie a sua rota, verifique a pressão de ar dos pneus, o funcionamento das luzes e dos limpa pára-brisas e o nível de água e de óleo da sua viatura.


Resta-nos desejar-lhe boas escapadinhas de Outono, recomendando que modere a velocidade e adote uma condução defensiva e preventiva durante a sua viagem!

Aceder à fonte da Notícia