logo
Insparedes - Combustíveis que não lançam carbono para a atmosfera, será possível?
blog-1

Combustíveis que não lançam carbono para a atmosfera, será possível?



Combustíveis que não lançam carbono para a atmosfera, será possível?


Contudo, vários são as pesquisam que procuram a possibilidade de combustíveis sintéticos,  que podem ser através da reciclagem de CO2.



A Escola Politécnica Federal de Lausanne, na Suíça, é quem está na vanguarda desta pesquisa, que visa a transformação eficiente do dióxido em monóxido de carbono, que pode ser reaproveitado para criar novos combustíveis e plásticos. 

A equipa do Laboratório de Sintéticos e Catalisadores Inorgânicos da EPFL criou um catalisador baseado em ferro que consegue converter 90% do CO2 em monóxido de carbono. Geralmente, para este processo, são usados materiais preciosos como o ouro, demasiado dispendioso para ser usado em massa. 

No entanto, a equipa conseguiu usar átomos de ferro com correntes elétricas de baixa voltagem, conseguindo a mesma eficiência que o catalisador com metais preciosos, por um custo bem mais baixo. 

Com este catalisador de ferro, o próprio processo de combustão cria o material de base para fazer novos combustíveis e plásticos, diminuindo a necessidade de recorrer ao petróleo. 

Essencialmente, isto torna com que os combustíveis sintéticos se tornem neutros em termos de emissões de carbono, pois quase todo o CO2 emitido pela combustão passa a ser reciclado, criando um ciclo fechado, e reduzindo a quantidade de dióxido de carbono que vai permanecer na atmosfera em quantidades consideráveis. 

Este processo criado pela universidade suíça ainda é experimental, mas assim que for industrializado, poderá ser combinado com outras tecnologias como baterias ou para produção de hidrogénio. 


Desta forma, em pequenos passos, caminhamos par um mundo mais sustentável e saudável. E você, qual a sua opinião acerca disto? Conte-nos tudo!

A Insparedes deseja-lhe Boas Viagens!


Aceder à fonte da notícia