Mais de 15% dos peões atravessam estradas distraídos com telemóvel

Após um estudo realizado pela Prevenção Rodoviária Portuguesa, constatou-se que mais de 15% dos peões atravessam as estradas distraídos com o telemóvel.

Mais de 15% dos peões atravessam estradas distraídos com telemóvel

Através da observação do comportamento das pessoas enquanto atravessam a via nas passadeiras, verificou-se que grande parte dos peões atravessa as passadeiras a falar por telemóvel, a manusear o telemóvel e a usar auriculares.

O que não é estranho nos dias de hoje, porém preocupante!

Embora o peão tenha um papel mais passivo na segurança rodoviária, é também de dever cívico e também para sua própria proteção, adotar uma atitude atenta às adversidades que possam surgir. Principalmente nas passadeiras, uma vez que o condutor que lhe aparece pode, também ele, estar distraído.

Embora não haja ainda uma regulamentação fixa para este efeito, é importante salientar que, enquanto passa na passadeira, há alguns cuidados a ter. Não apenas o famoso “esperar pelo verde”, ou o “olhar para os dois lados”, mas parece-nos prudente, também, incluir o manuseio do telemóvel como um fator a ter em conta quando se fala de segurança rodoviária, já que este é um grande vilão no que toca a acidentes.

Quer seja nas mãos do condutor ou do peão, ele está presente em muitos dos acidentes ocorridos. Comparando este com outros estudos, verifica-se que Portugal acompanha a tendência de muitos outros países europeus, tendência essa caracterizada pelo extremo manuseio do telemóvel em vias públicas.

Contudo, é o peão quem assume o papel de “vítima maioritária” no que toca a vítimas mortais em acidentes rodoviários.

José Miguel Trigoso, presidente da Prevenção Rodoviária Portuguesa, afirma que os peões distraídos com estes equipamentos se colocam em maior risco de se envolverem num acidente, tal como acontece com os condutores. Isto porque, enquanto falam ao telemóvel, se tornam mais imprevisíveis e apresentam comportamentos de risco, como é exemplo a distração ao passar na passadeira.

Assim, a Insparedes sugere que, quer seja peão ou condutor, ponha um pouco de parte o telemóvel enquanto se encontra nas estradas, promovendo a sua segurança e a de quem está consigo e podendo evitar percalços que possam por a sua vida em risco!

A Insparedes deseja-lhe uma Boas Viagens!

 

Aceder à Fonte da Notícia

Artigos relacionados

Deixe um comentário



Os melhores Truques e Dicas para valorizar o seu automóvel

Comece a receber todos os meses...
Inscrever Agora 
close-link